Principais estratégias para alcançar o sucesso no nicho de design de produto (guia 2024) - The Niche Guru

Principais estratégias para alcançar o sucesso no nicho de design de produto (guia 2024)

estratégias de nicho de design de produto

O design é uma peça vital do quebra-cabeça do produto. Quando se trata de vender um produto que funciona, a forma como ele é projetado determina tudo, desde se o público o considera atraente ou não, se ele se ajusta ao preço e até quão funcional ele é para o consumidor.

E quem melhor para preencher essa peça do quebra-cabeça do que o designer de produto?

Agora que o mercado está repleto de novos produtos e a concorrência é maior do que nunca, a procura por profissionais de design de produtos é enorme. No entanto, isso também equivale a um interesse crescente nesta área, portanto, para prosperar nela, você precisa saber quais passos seguir para alcançar o sucesso. 

O designer de produto é o gênio criativo por trás da interface e da experiência do usuário de um produto. Como tal, ele ocupa um papel importante na indústria. Neste post vou compartilhar algumas estratégias e abordagens que vão te ajudar a projetar produtos melhores e com isso, alcançar maior sucesso no nicho de design de produto.

O papel de um designer de produto em uma equipe de produto digital

O papel de um designer de produto em uma equipe de produto digital

A carreira de designer de produto é uma mistura de criatividade, visão artística, habilidades técnicas e de pesquisa. Uma combinação perfeita equipe de produtos digitais reúne especialistas com diversas especialidades e habilidades para criar uma experiência perfeita para o cliente que adquire o produto. Essas pessoas, combinadas com o conjunto certo de ferramentas de pesquisa e design, trabalham para criar algo fácil de usar, bonito, funcional e atraente para o público-alvo. 

Eles usam dados de pesquisa para atingir as pessoas certas, criatividade para criar algo que se destaque e seu conhecimento e experiência para entregar algo integrado e envolvente.

Aqui estão algumas das principais funções do designer de produto:

  • Definir o problema/Definir o que o cliente precisa, deseja e espera
  • Visualize e crie o produto que atende ao comprador-alvo
  • Faça melhorias nos designs de produtos existentes
  • Acompanhe os concorrentes para criar algo de maior qualidade e funcionalidade

Hoje, esta posição detém bastante prestígio – e também é altamente remunerada. Porém, o nicho de designer de produto é competitivo, então se você quer ser procurado no mercado e crescer na carreira, precisa aprimorar suas habilidades, seu portfólio e até mesmo seu currículo. 

Principais estratégias de nicho para designers de produto em 2024

Todos podem ser designers de produtos hoje – mas apenas alguns podem ser os melhores do mercado. Abaixo você encontra dicas e estratégias que o ajudarão a alcançar grande sucesso no nicho de design de produtos e, com isso, conquistar os melhores clientes e projetos do mercado. 

1. Aprendizagem Adaptativa

O fator mais importante para o seu sucesso no design de produtos é aprendizado contínuo. Este campo requer aprendizado e atualizações contínuas – e por vários motivos. 

Para começar, você precisa trabalhe constantemente em suas habilidades de design por causa das novas tecnologias. Os designers de produtos hoje em dia precisam incorporar tecnologias modernas em seus produtos, aprender o que é tendência no mercado e usar as informações para criar algo que o usuário espera.

Os produtos modernos agora envolvem muito mais em comparação com apenas alguns anos atrás. Incluem o design, mas também devem integrar tecnologias modernas como assistência de voz, inteligência artificial, etc. O mundo está a mudar e os utilizadores estão mais exigentes do que nunca, por isso o trabalho de um designer de produto também está a evoluir. 

Em segundo lugar, você precisa continuar aprendendo para progredir na área e conseguir os melhores projetos e empregos. A maioria das empresas hoje em dia sabe como fazer avaliações para funcionários seleção, e você pode ter certeza de que a maioria deles - se não todos, desejará testar suas habilidades antes de contratá-lo para o projeto ou trabalho. Sem mencionar que eles provavelmente farão avaliações de desempenho para acompanhar seu progresso depois de você foi selecionado, então é importante continuar trabalhando em suas habilidades. 

O que isso significa para você?

Isso significa que, para prosperar no mercado, você precisa estar atento. É sua responsabilidade acompanhe o tendências de nicho e mudanças nos comportamentos do seu público e no mundo digital em geral. Sem falar que os projetos de design hoje exigem habilidades analíticas altamente avançadas, pois é preciso considerar diferentes variáveis ​​para criar um produto que se destaque.

Este não é um campo onde você aprende o básico e usa o mesmo conhecimento por décadas. Essa é apenas a base. Seus truques e estratégias de hoje podem não funcionar amanhã – e provavelmente não funcionarão daqui a alguns anos. É por isso que o crescimento na carreira dos profissionais de design de produto exige aprendizagem adaptativa.

2. Melhore seu currículo

O currículo de um profissional de design de produto muda o tempo todo. Inclui diferentes produtos, conjuntos de habilidades recém-adquiridas e qualificações selecionadas para o trabalho ou projeto ao qual se candidatam. Isso pode ser exaustivo, especialmente se a trajetória de sua carreira estiver progredindo rapidamente, e é aí que um fabricante de currículo pode ajudá-lo tremendamente. O criador de currículo certo permitirá que você personalize sua inscrição para diferentes empregos ou projetos, sem mencionar o envio de currículos com aparência profissional que se destaquem. 

Então aqui vão algumas dicas:

  1. Atualize regularmente seu currículo: como profissional de design de produto, seu currículo deve refletir os produtos mais recentes nos quais você trabalhou, juntamente com quaisquer novas habilidades que você adquiriu. Defina um lembrete para atualizar seu currículo a cada poucos meses ou após a conclusão de um projeto significativo.
  2. Identifique as principais qualificações: Para cada trabalho ou projeto ao qual você se candidata, identifique as qualificações e experiências específicas que são mais relevantes. Destaque-os em seu currículo para alinhá-los com os requisitos do trabalho.
  3. Utilize uma ferramenta criadora de currículos: Invista em uma boa ferramenta para criar currículos. Isso agilizará o processo de atualização do seu currículo e garantirá que ele mantenha uma aparência profissional. Pesquise e escolha uma ferramenta que ofereça opções de customização para adequar seu currículo a diferentes candidaturas de emprego.
  4. Personalize para cada aplicativo: Use o criador de currículo para personalizar seu currículo para cada emprego ou projeto ao qual você se candidata. Ajuste a ênfase em certas habilidades ou experiências para corresponder à descrição do cargo.
  5. Foco na Estética Profissional: certifique-se de que seu currículo não apenas contenha informações relevantes, mas também tenha uma aparência profissional e organizada. Use o criador de currículo para experimentar diferentes layouts e designs que sejam visualmente atraentes, mas que mantenham um tom profissional.
  6. Destaque-se com elementos exclusivos: incorpore elementos em seu currículo que façam você se destacar. Pode ser um elemento de design exclusivo (alinhado com a estética do design do produto), um resumo conciso de sua proposta de valor exclusiva ou conquistas notáveis ​​que o diferenciam.
  7. Procure feedback: antes de finalizar seu currículo, peça feedback de mentores, colegas ou profissionais da sua área. Use seus insights para refinar e melhorar seu currículo.
  8. Acompanhe as diferentes versões: à medida que você personaliza seu currículo para diferentes aplicações, acompanhe essas versões. Organize-os de forma que você possa recuperá-los e atualizá-los facilmente para oportunidades futuras.
  9. Representação Profissional: certifique-se de que seu currículo o represente da melhor maneira possível. Deve refletir não apenas suas habilidades e experiências, mas também seu espírito profissional e abordagem ao design de produtos.
  10. Mantenha-se informado e evolua: O campo do design de produto está em constante evolução. Mantenha-se informado sobre as novas tendências e novidades e reflita esse aprendizado e evolução em seu currículo. Isso mostra aos potenciais empregadores que você é adaptável e está crescendo continuamente em sua profissão.

3. Incorpore as cinco fases do design do produto

Esta é uma regra básica para um design de qualidade. Independentemente do que você esteja trabalhando, tente e incorpore as cinco fases a seguir em seu design de produto:

  • Simpatizar. Um bom design de produto começa com o direcionamento ao público certo. Antes de começar a projetar um produto, pesquise os compradores-alvo para entender melhor quem usará o produto. 
  • Definir. Em seguida, use os dados do cliente que você coletou para se colocar no lugar deles. A ideia é definir o que você projetará com base nas percepções e necessidades do usuário. 
  • Idealizar. Depois de definir o que você precisa projetar, é hora de pensar em soluções criativas. Este é o ponto onde você usa sua criatividade. Anote algumas ideias e encontre as que melhor se adequam ao projeto. 
  • Protótipo. Agora é hora de transformar esse plano e ideias em realidade. Construa um protótipo – ou uma série deles. Os protótipos são ideais para mostrar se você está no caminho certo e podem até ajudá-lo a ter ideias melhores para o seu trabalho. 
  • Test. Por fim, vá até seus usuários para testar o protótipo pronto. Testá-lo antes de enviá-lo para o mundo ajudará você a remover as falhas de antemão, sem falar que economizará muito dinheiro. 

fonte

4. Conheça sempre os seus critérios de sucesso

Como você sabe que seu design é um sucesso? Não mire apenas no número de compras ou downloads. Antes de colocar qualquer produto no mercado, defina uma meta clara sobre o que você deseja alcançar com o design. Isso também irá ajudá-lo na fase de design. 

Claro, não há necessidade de parar de almejar mais sucesso quando você atingir seu objetivo inicial. Comece definindo critérios de sucesso, como KPIs, número esperado de vendas por mês ou ano e muito mais – e certifique-se de revisá-los com o passar do tempo. 

Ao trabalhar nesta fase, você pode querer discutir os objetivos com o cliente ou partes interessadas.

5. Priorize a pesquisa

A pesquisa está no centro do design do produto. Quando você define a visão do seu produto, as pesquisas de usuário e de mercado fornecerão as peças restantes de que você precisa para torná-lo excelente. 

Sim, a pesquisa leva tempo e exige muito esforço, mas esta é a melhor maneira de descobrir o que o seu cliente precisa, bem como o desempenho do seu design atual no mercado. 

Se você fizer isso no início do processo de design, você economizará muitos recursos, como tempo e dinheiro, no futuro. Sem mencionar que seus stakeholders se sentirão mais confortáveis ​​se tiverem alguns dados tangíveis em mãos. 

Verifique este guia sobre pesquisa de nicho para aprender alguns insights valiosos.

6. Reúna e aja de acordo com o feedback

À medida que você progride em sua carreira no nicho de design de produto, você receberá feedback dos clientes e das partes interessadas. Este feedback é a ferramenta mais valiosa para o seu crescimento profissional. Use o que você aprendeu sobre seus projetos prontos para melhorar seu trabalho futuro. 

O feedback negativo é uma oportunidade de aprender. Aproveite as reclamações dos clientes sobre produtos anteriores que você projetou para melhorar suas habilidades e criar designs melhores no futuro. Além disso, concentre-se em seus pontos fortes, conforme descrito no feedback positivo, para continuar entregando qualidade aos usuários-alvo. 

Você está pronto para levar sua carreira de design de produto para o próximo nível?

A jornada de um designer de produto é um desafio, mas também uma oportunidade de crescimento contínuo. Este é um campo altamente exigido e altamente remunerado, então a questão restante é: você está pronto para superar sua carreira no nicho de design de produto?

O cenário em evolução do design exige adaptabilidade de sua parte, portanto, continue trabalhando para alcançar mais sucesso e ampliar os limites de sua área.

Sobre o autor:

Nadica Metuleva é redatora de conteúdo sênior com experiência de mais de oito anos no mercado freelance. Sua especialidade são postagens em blogs, listas e artigos nos nichos de negócios, SaaS, jogos de azar e estilo de vida. Ao longo dos anos, Nadica aprofundou sua compreensão das estratégias de SEO e desenvolveu uma paixão por contar histórias. Ela possui mestrado em Literatura e Ensino de Inglês e fala quatro idiomas. Você pode encontrá-la em LinkedIn

Não se esqueça de compartilhar este artigo!

Deixe um comentário

Voltar ao Topo